PRÉVIA (n.t.) 7º

Quando as maçãs estão maduras | Wenn die Äpfel reif sind
Theodor Storm

O texto: O conto “Quando as maçãs estão maduras” (Wenn die Äpfel reif sind) foi escrito em meados do século XIX. Publicado em 1857, narra a peraltice de um jovem garoto que, no meio da noite, invade o terreno de um vizinho para surrupiar maçãs, sendo descoberto por um jovem, com aspecto de caçador, que havia marcado um encontro com uma moça justamente nas proximidades da macieira. O enredo principal se desenvolve em torno desses três personagens. Na narrativa, Theodor Storm concentra-se em descrever a natureza e o cotidiano, focalizando cenas noturnas, como a lua e os movimentos dos animais, além de sublinhar o estilo simples da vida dos habitantes do vilarejo onde a história se desenvolve.
Texto traduzido: Storm, T.; Coler, C. Sonnenschein und Schatten. Gedichte und kleine Erzählungen. Berlin: Verlag der Nation, 1955.

O autor: Escritor, poeta e novelista, Hans Theodor Woldsen Storm nasceu em 1817, em Husum, na Alemanha. Integrou o grupo de autores do realismo poético alemão (1848-1890), sendo considerado um dos principais representantes desse período. Suas histórias, apesar de aparentemente trágicas e melancólicas, mas dotadas de fina ironia e humor, se tornaram referência na literatura alemã. Publicou os romances Immensee (1849), Ein Doppelgänger (1886), Die Regentrude (1866) e Der Schimmelreiter, levado às telas do cinema.

A tradutora: Greice Bauer é formada em Letras Alemão (2004) e mestre em Estudos da Tradução pela UFSC (2013). Desenvolve estudos sobre o escritor Wilhelm Busch e a tradução de humor. É tradutora e desde 2004 atua no ensino da língua alemã para adultos e crianças. Para a (n.t.) já traduziu O pequeno Häwelmann, de Theodor Storm.



☞ STORM, Theodor. Quando as maçãs estão maduras | Wenn die Äpfel reif sind.
Trad. Greice Bauer. (n.t.), n. 7, v. 2, set. 2013, pp. 275-285.


© (n.t.) Revista Literária em Tradução
ISSN 2177-5141