PRÉVIA (n.t.) 14º

A aposentadoria de Senhor Bougran
La Retraite de Monsieur Bougran

Joris-Karl Huysmans

O texto: Escrito pelo autor em sua fase naturalista, o conto narra a história de Sr. Bougran, trabalhador fiel e meticuloso que, aos cinquenta anos, é aposentado por “invalidez moral” e passa a procurar uma tarefa para preencher o vazio em sua vida. Inicialmente, o manuscrito datado de 1888 teve sua publicação recusada, permanecendo guardado até ser salvo de um incêndio. Foi publicado postumamente, em 1964.
Texto traduzido: Huysmans, Joris-Karl. “La Retraite de Monsieur Bougran”. In. Trois Nouvelles Naturalistes. Paris: Éditions Flammarion, 2014.

O autor: Joris-Karl Huysmans (1848-1907), escritor e crítico de arte francês, transitou entre diversos movimentos literários, identificando-se, primeiro, com o Naturalismo, e depois, com o Decadentismo. Empreendeu uma jornada espiritual que refletiu diretamente em sua escrita, passando do Satanismo e convergindo no Catolicismo. É possível observar essas mudanças em suas principais obras, À rebours (1884), Là-bas (1891) e La cathédrale (1898).

A tradutora: Marina Donato Scardoelli é bacharela em Letras, com habilitação de tradutora pela Universidade Estadual Paulista (Unesp/Ibilce). Atualmente, cursa mestrado em Estudos da Tradução pela mesma instituição.


☞ HUYSMANS, Joris-Karl. A aposentadoria de Senhor Bougran|La Retraite de Monsieur Bougran. Trad. Marina Donato Scardoelli. (n.t.), n. 14, v. 1, jun. 2017, pp. 102-134.


© (n.t.) Revista Literária em Tradução
ISSN 2177-5141